fbpx

O que levou a Metagal a adotar o posicionamento de retrovisão e não retrovisores

Metagal a adotar o posicionamento de retrovisão e não retrovisores

A rotina de entrar no carro, arrumar o banco e ajustar os espelhos retrovisores pode estar com os dias contados. Isso porque as peças retrovisoras do futuro não precisam de ajuste: elas são ligadas e se integram ao veículo automaticamente. Trata-se de um sistema de câmeras de monitoramento localizado na parte externa do carro que projeta as imagens em uma tela de LCD, com clareza e sem obstruções. 

Os dispositivos corrigem a luminosidade excessiva, cobrem os pontos cegos, otimizam a visão noturna e até melhoram a aerodinâmica do carro. E, além da visibilidade, também podem oferecer conexão por Bluetooth e GPS integrado. 

Em meio a um cenário de testes e mudanças e referência em busca por novas tecnologias, a Metagal entende e acompanha todas as transformações do setor, desenvolvendo pesquisas e projetos que tornem o nosso portfólio autoridade em inovação.  Por isso, queremos apresentar as tecnologias que devem ganhar espaço nos próximos anos. 

Os novos retrovisores 

Em geral, as câmeras de monitoramento já são amplamente utilizadas, mas como elementos complementares, não como substitutas dos espelhos. No entanto, a ideia é que esse aspecto mude. 

Recentemente, o Japão liberou o uso de câmeras para de fato substituir os retrovisores tradicionais. Os chamados “retrovisores digitais” já podem ser encontrados em alguns modelos de luxo, como o R8 e-tron, da Audi. A ideia é reduzir o ruído quando em alta velocidade e otimizar a aerodinâmica do veículo, o que pode até mesmo economizar combustível. Outras montadoras como a Mitsubishi também pretendem desenvolver carros sem espelhos nos próximos anos. 

Por conta da legislação de trânsito, ainda não é possível ver modelos comuns rodando com os novos retrovisores. Muitos países exigem por lei que os carros tenham espelhos –  motivo pelo qual a decisão do Japão movimenta tanto o mercado automotivo, além de influenciar a decisão de outras nações sobre o assunto. De acordo com uma pesquisa da instituição nipônica Ichikoh, cerca de 29% dos carros fabricados no Japão em 2023 não terão nenhum tipo de espelho. 

Nosso posicionamento 

Com 50 anos de experiência no mercado automobilístico, a Metagal carrega muita história e experiência, o que não faz com que busquemos menos ativamente a inovação. 

Queremos oferecer produtos e serviços cada vez melhores, que tornem o ato de dirigir mais seguro, confortável e prazeroso, seja por meio de espelhos ou não. Assim como o mercado se transforma, nós adaptamos e otimizamos nossas tecnologias, oferecendo muito mais do que retrovisores: a retrovisão. 

Assim, desenvolvemos pesquisas e oferecemos capacitações constantes, para poder desenvolver projetos que surpreendam. 

O caminho a ser seguido 

Atualmente, a Metagal já oferece modelos híbridos, com o uso de câmeras e espelhos. O Metagal LCD Full Mirror, por exemplo, possui dupla função: é possível trocar o modo espelho para o modo LCD, que oferece 50º a mais na visão da câmera traseira, retira obstruções do caminho e controla o ofuscamento. 

Já o 360º Vision, nosso sistema de assistência para estacionamento com visão 360º, conta com câmeras de ampla angulação que mostram o topo do carro e sensores de detecção de objetos. 

Em relação ao futuro, a nossa certeza é que de ganharemos ainda mais espaço com os novos projetos, que devem apresentar mais mudanças e inovações em breve.  

A Metagal, líder no mercado de espelhos retrovisores e no desenvolvimento de câmeras para monitoramento veicular, é um exemplo da constante busca por inovação. Há mais de 50 anos de no setor, a empresa investe pesado em pesquisas, capacitação de seus profissionais e novas tecnologias.

Sem comentários. Faça o primeiro comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *